Nova alta da Selic beneficia títulos atrelados a inflação

Com a decisão do Comitê de Política Monetária – COPOM (Banco Central) de elevar a taxa SELIC em 0,50%, na quarta feira – 04 de março, a SELIC passa a valer agora 14,75% a.a. até a nova reunião marcada para o dia 29 de abril de 2015. Com essa nova alta, a 4ª consecutiva, os títulos indexados a inflação como a NTN B passa a ser mais atrativa diante do cenário de alta da inflação em detrimento aos CDBs, LCI/LCA e dos Fundos de Renda Fixa referenciados ao CDI. A caderneta de poupança cada vez mais deixa de ser vantajosa.

As aplicações ficaram assim…
As Letras de Crédito Imobiliário – LCI e Letras de Crédito Agrícola – LCA com remuneração atrelada ao CDI – Certificado de Depósito Bancário passam a render 10,71% a.a.. Esses papéis, assim como a poupança são isentos de imposto de renda.

Os fundos referenciados DI, considerando uma remuneração de 100% do CDI – Certificado de Depósito Bancário apresentam um rendimento líquido de 9,49%, considerando uma taxa de administração de 1,50% ao ano.

O CDB – Certificado de Depósito Bancário que normalmente são oferecidos a 90% do CDI remuneram agora a taxa de 9,36% ao ano líquidos de imposto de renda.

O Tesouro Direto, sistema de compra e venda de títulos públicos, é a melhor alternativa de investimento desde que o investidor mantenha o título até o vencimento. Foram considerados os descontos do imposto de renda (alíquota de 17,50%), da taxa de administração de 0,50% e da taxa de custodia de 0,30% da BMF& Bovespa. A NTN B com vencimento em 15/08/20 poderia ser adquirida com uma taxa líquida de 11,11% a.a. Este cálculo considera a taxa nominal de 6,25% (oferecida em 06 de fevereiro 2015) mais um IPCA projetado para 12 meses de 7,65% (taxa bruta de 14,38%).

Os títulos que acompanham a alta da Selic, classificados como pós-fixados, como as Letras Financeiras do Tesouro – LFTs, de vencimento em 07/03/17, passam a render 9,69% líquido ao ano. As Letras do Tesouro Nacional – LTNs, títulos prefixados com vencimento 01/01/2017 remuneram a taxa líquida de 10,37%. As taxas dos títulos públicos utilizadas para análise são as praticadas no dia 06 de fevereiro de 2015 e estão demonstradas no anexo.

Eu simulei as aplicações líquidas, com um horizonte de investimento de 12 meses. Veja como fica a rentabilidade das aplicações de renda fixa a partir de agora para um valor inicial investido de R$10.000,00:

SELIC_MAR15

Comparação das taxas líquidas – prazo de 12 meses

SELIC_GRAF_MAR15

ANEXO

 A tabela a seguir representa os preços e as taxas dos títulos públicos disponíveis para compra no dia 06 de março de 2015.

 

PRECO_td_MAR15

Isenção de responsabilidade: Este artigo foi desenvolvido com objetivo meramente didático, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra ou venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. A utilização deste material é de inteira responsabilidade do usuário. As informações disponíveis no BLOG poderão ser atualizadas ou modificadas periodicamente e não devem ser interpretadas como definitivas. As informações contidas neste artigo foram consideradas razoáveis na data em que foi editado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. O criador do BLOG não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: